.:: Brasil
.:: Destaque
.:: Goiás
.:: Grande Brasília
.:: Justiça
.:: NOVO GAMA
.:: Opinião
.:: Política Distrito Federal
.:: Política Entorno
.:: Política Nacional
.:: SANTA MARIA
.:: Saúde
Secretária da Mulher, Ericka Filippelli vem a Santa Maria conhecer o projeto ‘Mulheres Empreendedoras’.
 
Ericka Filippelli, no comando de uma das únicas secretarias da Mulher do país aceitou o desafio de conduzir a Secretaria da Mulher com o propósito de trabalhar a questão da autonomia econômica das mulheres. Ao ouvir sobre o trabalho desenvolvido por Ivete Figueira moradora de Santa Maria e diretora do Instituto Novo Cidadania, a Secretária Ericka Filippelli, veio ao Instituto conhecer de perto e fortalecer a questão da autonomia econômica, até porque, além de conhecedora do papel que tem o empreendedorismo, as pesquisas comprovam que o país só vai crescer se as mulheres forem inseridas no mercado forma de trabalho.
“A arte que essas mulheres empreendedoras fazem aqui, pode ser vista como trabalho formal e se elas se profissionalizarem vão gerar renda. E o mais importante que esta por detrás de tudo isso, tem a questão da autonomia econômica e a possibilidade de escolha que essa autonomia traz para as mulheres”, disse Érika.
Segundo a secretária Ericka Filippelli, muita mulher vitima de violência dentro de suas próprias casas não conseguem sair de tal situação porque não tem possibilidade de escolha por falta de uma renda que lhe garanta o sustento. Então, a secretaria da mulher entra com o compromisso de dar a mulher essa possibilidade de escolha e traçar o seu próprio caminho.
Praticamente anônimas, elas se reúnem sempre que necessário, mas, o trabalho dessas mulheres chegou a impressionar e chamar a atenção da secretária. “Fiquei realmente surpresa.
A gente quando caminha, e a ordem do governador IBANEIS ROCHA é de estarmos perto da comunidade, e é por isso também estou aqui. “Eu quero conhecer a fundo o projeto desenvolvido pela Ivete, tirar da invisibilidade e dar luz e voz, fazer com que Brasília conheça Brasília. As cidades satélites guardam tesouros escondidos. E como governo, por meio da Secretaria da Mulher, tem o papel de valorizar esses tesouros. Às vezes, a iniciativa não se relaciona apenas a dinheiro ou financiamento, mas a questão de darmos visibilidade, trazer empresas para olhar de forma especial, financiar e ser parcerias dessas mulheres.
A secretaria explicou ainda que, o lançamento da rede “SOU MAIS MULHER” que tem por objetivo a parceria com empresas públicas e privadas para que elas se sensibilizem quanto à importância dessas mulheres dentro dessas organizações, fazer também com que elas olhem para fora e financiem bons projetos e boas ações.
Ivete Figueira, Diretora do Instituto Nova Cidadania e autora do projeto mulheres empreendedoras, disse que recebeu a visita da secretária com honra e felicidade, pela simpatia e compromisso em conhecer de perto o projeto MULHERES EMPREENDEDORAS e, através dessa visita, a possibilidade desses mulheres mostrarem os seus trabalhos.
Fonte - Correio de Santa Maria



Fonte: Correio de Santa Maria
Publicado em: 26/03/2019 12:38
Link: http://www.agenciasatelite.com.br/website/siteplus/noticia/noticia_detalhe_23a.asp?id=495&idRegistro=23388
MAIS NOTÍCIAS

VC-371 enfim será asfaltada

Em respeito às verdadeiras lideranças comunitárias

Os verdadeiros motivos da exoneração de Miro Gomes

Hugo Gutemberg é absolvido pelo TJDFT

Administração de Santa Maria precisa de um administrador indicado pelo governador