.:: Brasil
.:: Celebridade
.:: Concurso
.:: Destaque
.:: Direitos Humanos
.:: Diversão e Cultura
.:: Economia
.:: Educação
.:: Emprego
.:: ENTORNO
.:: Entretenimento / Cultura
.:: Esporte
.:: Goiás
.:: Grande Brasília
.:: Habitação
.:: Internacional
.:: Justiça
.:: Negócios
.:: NOVO GAMA
.:: Polícia DF
.:: Polícia Entorno
.:: Polícia Outras Regiões
.:: Política Distrito Federal
.:: Política Entorno
.:: Política Nacional
.:: Religião
.:: SANTA MARIA
.:: Saúde
.:: Segurança
.:: Segurança Pública
.:: Serviços
.:: Social
.:: Solidariedade
Após críticas de Ibaneis ao TCU, filha de ministro da Corte é exonerada do GDF
Ato foi publicado no Diário Oficial nesta sexta-feira (16). Governador afirmou que Corte 'não serve para m... nenhuma'.
 
Por Pedro Alves, G1 DF
Cristiane Nardes, ex-secretária executiva de governança e compliance da Casa Civil — Foto: Casa Civil do DF/Reprodução
O Diário Oficial do Distrito Federal desta sexta-feira (16) traz a exoneração de Cristiane Geiss Nardes Farinon (foto acima). Filha do ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Augusto Nardes, ela atuava no Executivo local como secretária executiva de Governança e Compliance da Casa Civil.
 
A exoneração ocorre um dia após o governador Ibaneis Rocha (MDB) fazer duras críticas ao TCU. Em discurso no Palácio do Buriti nessa quinta (15), o líder do Governo do DF afirmou que a Corte “não serve para m... nenhuma”.
 
Ao G1, o GDF informou que “os cargos comissionados são de livre provimento e que as nomeações e/ou exonerações são prerrogativas do Governador”.
Exoneração de Cristiane Nardes foi publicada no DODF — Foto: Reprodução
Ainda de acordo com o Executivo local, “as funções de secretária executiva de Governança e Compliance serão exercidas pela subsecretária de Compliance e Gestão”.
 
O DODF desta sexta também trouxe alterações nesse cargo. A antiga titular, Mariana Cruz Montenegro, foi exonerada e a subsecretaria de Compliance e Gestão agora será chefiada por Patrícia Helena Tavares Domingos dos Santos.
Ministro Augusto Nardes, do TCU — Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
 
Críticas
Durante o discurso na quinta, Ibaneis chegou a citar Cristiane Nardes (ouça áudio abaixo). “O Tribunal de Contas da União é um órgão que, na minha visão – me desculpa a Nardes, que o pai é ministro – não serve para nada. A não ser para atrapalhar a vida de governos e de governantes.”
 
'O TCU não serve para nada’, diz Ibaneis após decisão que restringe recursos do GDF
O episódio provocou reação do TCU. Em nota divulgada na quinta-feira, a Corte afirmou que "lamenta e recebe com surpresa a forma, o tom e o teor das declarações proferidas pelo governador".
 
Ainda de acordo com o tribunal, “o respeito mútuo sempre fez parte das relações entre o GDF e o TCU. O Tribunal trata com seriedade, transparência e observância à legislação todos os processos que julga”.
 
Decisão sobre Fundo Constitucional
As críticas de Ibaneis foram disparadas após decisão do TCU que proibiu o Governo do DF de usar recursos do Fundo Constitucional para pagar benefícios a aposentados e pensionistas das secretarias de Saúde e Educação.
 
Segundo o entendimento da Corte, essas despesas são de responsabilidade exclusiva do Tesouro do Distrito Federal. Portanto, diz o TCU, o uso de dinheiro do fundo para pagamento dos benefícios é irregular.
O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha — Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília
 
Na decisão, o tribunal deu 30 dias para que o GDF retire os aposentados e pensionistas da folha do Fundo Constitucional. Estipulou ainda prazo de 180 dias para que o governo decida como resolver a questão.
 
Já o Executivo local informou que vai recorrer ao STF. Segundo o GDF, a decisão do TCU pode implicar na suspensão do pagamento dos benefícios aos servidores inativos.
Fonte - G1/DF



Fonte: G1/DF
Publicado em: 16/08/2019 21:42
Link: http://www.agenciasatelite.com.br/website/siteplus/noticia/noticia_detalhe_23a.asp?id=495&idRegistro=24689
MAIS NOTÍCIAS

Distrital quer cota de estágio na CLDF para adolescentes infratores

Deputado Robério destina verbas para aquisição de ônibus para a TCB

TCDF determina que Delmasso e mais cinco pessoas paguem R$ 2 milhões

Linha de ônibus 207.4, do Engenho das Lajes a estação de metrô de Samambaia, tem horário ampliado

Linha de ônibus 540.1 volta atender a população da Fercal e do Bananal

Professores com Síndrome de Burnout poderão ter assistência médica do GDF

Por iniciativa de Robério Negreiros, “Rota do Cavalo” terá ponte alargada

Deputadas Jaqueline Silva e Celina Leão articulam duplicação da BR-040

Oposição na CLDF reage contra a implantação de escolas militarizadas no DF

Após críticas de Ibaneis ao TCU, filha de ministro da Corte é exonerada do GDF

Em discurso, Robério desconstrói denúncias

Cafezinho no serviço público: GDF investe R$ 1,6 milhão na compra de grãos

PL garante assistência psicológica em órgãos públicos do DF no combate aos casos de assédio contra mulheres

CLDF aprova projeto que proíbe condenados a assumirem cargos em comissão

Câmara reinicia debates sobre ponto eletrônico para distritais

Robério ataca Júlia e clima esquenta na Câmara Legislativa. Veja vídeo

Campanhas Publicitárias da CLDF poderão ter participação de pessoas com deficiência

Ibaneis sobre prisão de Temer: “Reforma da Previdência fica mais difícil”

Condenado na Caixa de Pandora, Rogério Ulysses é nomeado no GDF

Ibaneis: “Rollemberg pedalou em R$ 1,1 bi nas folhas de pagamento”

Ibaneis reage a MPDFT sobre nomeações: “Eu não volto atrás”

Comunicação de Ibaneis terá três mulheres em cargos de chefia

Agora é com Ibaneis e Bolsonaro

Sob pressão: Luos é aprovada na Câmara Legislativa. Veja o que muda

Diploma de Telma será cancelado e Jaqueline Silva confirmada distrital

Telma é diplomada, mas Jaqueline pode ficar com a vaga

Virada de mesa histórica - O dia D chegou e Jaqueline Silva está há poucos dias da CLDF