.:: Brasil
.:: Destaque
.:: Goiás
.:: Grande Brasília
.:: Justiça
.:: NOVO GAMA
.:: Opinião
.:: Política Distrito Federal
.:: Política Entorno
.:: Política Nacional
.:: SANTA MARIA
.:: Saúde
Santa Maria ganhará terminal rodoviário. Obra custará R$ 5,8 milhões
Cessão de área da Terracap foi assinada nesta quarta-feira. Cidade terá também papa-entulho que será construído pelo GDF
IGO ESTRELA/METRÓPOLES
A Agência de Desenvolvimento do DF (Terracap) assinou, nesta quarta-feira (07/08/2019), o termo de cessão de um terreno em Santa Maria para a construção de um terminal rodoviário na cidade.
Com 29 anos de fundação e população de 129 mil habitantes – segundo dados da Codeplan de 2018 –, a região administrativa não conta com um espaço estruturado para embarque e desembarque de passageiros das 11 linhas de ônibus que atendem o local.
“A cidade está passando por um período de muitas obras, e esta será um ganho considerável para os moradores, que há anos esperam por esse tipo de melhoria”, afirmou o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB).
O terreno cedido pela Terracap para que o Governo do Distrito Federal (GDF) construa o terminal rodoviário é de pouco mais de 16 mil metros quadrados. A obra, orçada em R$ 5,8 milhões, prevê a construção de um terminal administrativo, banheiros e diversas baias para parada e estacionamento dos ônibus.
Ao assinar a ordem de serviço, a Secretaria de Transporte e Mobilidade dá início, nos próximos dias, ao processo de licitação para o projeto de construção do terminal. A expectativa é que ele possa ser iniciado ainda neste ano.
Papa-entulho
Na mesma ocasião, o presidente da Terracap, Gilberto Occhi, assinou outra ordem de serviço liberando um terreno de pouco mais de 1 mil metros quadrados para a construção de um papa-entulho em Santa Maria.
 
Ele será destinado à recepção de móveis não utilizados, a podas de árvores e a materiais de construção que atualmente são deixados pela população em locais proibidos e sem destinação.
O Serviço de Limpeza Urbana (SLU) do DF ficará responsável pela destinação final desse tipo de entulho descartado pela população – que, além de sujar a cidade, serve de criadouro para proliferação do mosquito Aedes aegypti.
O orçamento previsto para a construção do terminal rodoviário e do papa-entulho é de R$ 5,8 milhões e R$ 270 mil, respectivamente. Parte desses recursos foi destinada por meio de emendas parlamentares da deputada Jaqueline Silva (PTB), moradora da região.
Fonte - AGÊNCIA BRASÍLIA



Fonte: AGÊNCIA BRASÍLIA
Publicado em: 16/08/2019 22:26
Link: http://www.agenciasatelite.com.br/website/siteplus/noticia/noticia_detalhe_23a.asp?id=495&idRegistro=24709
MAIS NOTÍCIAS

VC-371 enfim será asfaltada

Em respeito às verdadeiras lideranças comunitárias

Os verdadeiros motivos da exoneração de Miro Gomes

Hugo Gutemberg é absolvido pelo TJDFT

Administração de Santa Maria precisa de um administrador indicado pelo governador