Mulher, de 52 anos, chegou a ficar em coma. Curada do coronavírus, ela se recupera de doenças anteriores em quarto de hospital particular.
Mulher que testou positivo para coronavírus no DF chega ao Hospital da Asa Norte (HRAN), no DF — Foto: TV Globo/Reprodução
 
A primeira paciente com diagnóstico confirmado para o novo coronavírus, no Distrito Federal, saiu da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular, onde se recuperava de outras doenças pré-existentes. Ela estava curada da Covid-19 desde o dia 9 de abril, no entanto, precisava tratar de problemas anteriores ao vírus (veja histórico mais abaixo).
 
A mulher – que chegou a ficar em coma – recebeu alta da UTI na segunda-feira (18). Segundo os médicos, ela está em um quarto, "em bom estado de saúde".
 
A paciente ficou quase dois meses internada no Hospital Regional da Asa Norte (Hran) – referência para o atendimento à pandemia na capital. No dia 22 de abril, depois de estabilizada, ela foi transferida para a unidade privada.
Evolução da doença
 
A primeira paciente com Covid-19 no Distrito Federal foi internada no hospital Daher, no Lago Sul, em 4 de março. Ela havia retornado de uma viagem ao Reino Unido e à Suíça, com o marido, e apresentava febre, tosse e secreções.
 
Na madrugada do dia 6 de março, a paciente foi transferida para o Hospital Regional da Asa Norte (veja vídeo acima). O hospital privado disse não estar preparado para lidar com o caso.
 
Secretário de Ministério critica hospital privado do DF por ter transferido para o SUS paciente com coronavírus: 'Inadmissível'
 
No dia 7 de março, o diagnóstico de Covid-19 foi confirmado. O marido da paciente, também infectado, foi considerado como o segundo caso confirmado de coronavírus no DF. No entanto, ele não precisou ser hospitalizado e ficou em isolamento, em casa.
 
O empresário chegou a pedir à Justiça para deixar a quarentena após 14 dias, mas o juiz só permitiu a volta às atividades normais depois que ele fizesse um novo teste da Covid-19 e se o resultado desse negativo. No dia 30 de março, fez um novo exame que deu negativo.
 
Fonte - G1/DF



Fonte: G1/DF
Publicado em: 21/05/2020 19:38
Link: http://www.agenciasatelite.com.br/website/siteplus/noticia/noticia_detalhe_23a.asp?id=495&idRegistro=26591