Um servidor e um presidiário já morreram por complicações provocadas pela doença
O sistema prisional do Distrito Federal ultrapassou a marca de 800 casos confirmados do novo coronavírus entre presos e policiais penais.
 
A informação consta em boletim divulgado pelas secretarias de Saúde (SES-DF) e de Segurança Pública (SSP-DF) na noite desta quinta-feira (21/05).
O balanço aponta que, desde que a pandemia se instalou no sistema penitenciário, o DF registrou 803 episódios de internos e policiais contaminados com o novo micro-organismo.
 
Um servidor e um presidiário já morreram por complicações provocadas pela doença.
 
Atualmente, são 590 detentos infectados e outros 92 agentes penitenciários com Covid-19. Há 119 policiais penais recuperados da doença.
 
O sistema prisional do DF tem centenas de presos contaminados pelo novo vírus WILSON DIAS/AGÊNCIA BRASIL
Já foram mais de 4 mil testes rápidos aplicados pelas pastas no sistema prisional desde o inicio do período pandêmico. Parte dos pacientes que testaram positivo ainda aguardam a contraprova do exame.
Fonte - Metrópoles