Número é o mais alto desde o início da pandemia. Nove óbitos que entraram para a estatística nesta terça são de moradores de Ceilândia
HUGO BARRETO/METRÓPOLES
O Distrito Federal registrou, nesta terça-feira (16/06), 29 mortes em decorrência do novo coronavírus de acordo com a Secretaria de Saúde. Com as novas notificações, o número de moradores da capital do país que perderam a vida na luta contra a Covid-19 chega a 316.
 
Nove das 29 mortes que entraram para a estatística oficial nesta terça são de moradores de Ceilândia. Plano Piloto e São Sebastião tiveram três vítimas e Recanto das Emas e Sobradinho I, duas.
Os outros óbitos são de pacientes que residiam em Brazlândia, Gama, Park Way, Planaltina, Riacho Fundo I, Samambaia, Santa Maria, SCIA/Estrutural, Sol Nascente e Taguatinga.
Também foi registrado o falecimento de um morador de Goiás que estava sendo atendido pela rede de saúde brasiliense. Assim, a quantidade total de mortes notificadas sobe para 30.
Rodoviária do Plano: uso obrigatório de máscaras no DF
Rafaela Felicciano/Metrópoles
O Hran é referência no tratamento da Covid-19 no DF
Rafaela Felicciano/Metrópoles
Funcionários de cemitério enterram vítima do coronavírus no DF HUGO BARRETO/METRÓPOLES
Recorde
O número de óbitos registrados em um dia é o mais alto desde o início da pandemia. De acordo com a Secretaria de Saúde, 11 dos 30 falecimentos ocorreram nos últimos três dias. Dois deles na última semana de maio e um na primeira semana de junho.
Os homens são a maioria das vítimas: 23. Quatro pacientes não tinham comorbidades.
Fonte - Metrópoles