O governador alertou para a necessidade de a população do DF continuar se cuidando, uma vez que a taxa de transmissão da covid ainda está elevada
 
Foto Renato Alves / Agência Brasília
 
O último dos três hospitais de campanha prometidos pelo governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, foi inaugurado na manhã de ontem em Ceilândia. Assim como os demais, a unidade possui 100 leitos de Unidade de Cuidados Intermediários (UCI) e será destinada ao combate do coronavírus. Na oportunidade o governador alertou para a necessidade de a população do DF continuar se cuidando, uma vez que a taxa de transmissão da covid ainda está elevada, próxima de 1.
 
“Nós ainda vamos sofrer muito antes de ter a nossa população toda vacinada. Vamos demorar até outubro para ter em torno de 70% a 80% da população vacinada, e só aí vamos adquirir a imunidade de rebanho. Daqui para lá teremos muito sofrimento, muitas vidas serão perdidas. Só compete a nós, autoridades, clamar às pessoas para que evitem aglomerações, que se cuidem e cuidem dos seus familiares”, frisou.
 
“Isso nos preocupa muito e eu, que ando pelas ruas, tenho visto muitos locais com muita gente, restaurantes lotados, várias áreas da cidade lotadas. As pessoas parecem que não estão tendo a sensação de que é preciso tomar mais cuidado”, disse o governador. Ibaneis informou que por enquanto não recebeu indicação da equipe de Secretaria de Saúde para a instalação de barreiras sanitárias para o monitoramento da cepa indiana do coronavírus. “Nessa parte de saúde, sigo a orientação dos técnicos. Se for necessário fazer, trabalharemos junto à Anvisa para fazer a barreira sanitária”, destacou Ibaneis.
 
“O momento é de muita dificuldade. A pandemia não passou, não acabou, a cada dia que passa ela se agrava. Só no hospital de Ceilândia são 162 pessoas internadas com covid. Se transferirmos todos os pacientes de lá para cá – hospital de campanha – o Hospital Regional ainda terá leitos ocupados. As pessoas estão convivendo nas ruas como se a pandemia tivesse passado. Temos aí a chegada de uma nova cepa, a cepa indiana, o que nos preocupa muito. Pedimos à população que redobre os cuidados, o uso de máscaras, que use álcool em gel, lave as mãos e mantenha o distanciamento”.
 
O hospital recém-inaugurado recebeu nas primeiras horas de funcionamento 20 pacientes de covid. Segundo o governador, as demais unidades inauguradas – no Gama e no Autódromo – estão com a capacidade quase que totalmente esgotada. O hospital acoplado de Samambaia será inaugurado na próxima semana.
 
CPI
 
O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) deverá apresentou, na quarta (26), um requerimento pedindo a convocação de Ibaneis. No documento, ao qual o Jornal de Brasília teve acesso, Vieira espera que o governador dê explicações sobre as supostas fraudes para compra de testes de covid. Em agosto do ano passado, o Ministério Público (MPDFT) e a Polícia Civil (PCDF) realizaram a operação “Falso Negativo”, que culminou na prisão do então secretário de Saúde e de outros membros da pasta.
 
Em nota, Ibaneis disse “encarar com tranquilidade” a intenção de convocação à CPI. “A justificativa apresentada pelo parlamentar para a convocação do chefe do Executivo do DF é a suposta existência de fraudes em contratos para aquisição de testes para detecção do novo coronavírus”, relembrou o governador.
 
Fonte - Jornal de Brasília