Além disso, o governador Ibaneis Rocha decidiu autorizar a retomada das competições amadoras, desde que seguidos protocolos de segurança
 
Rafaela Felicciano/Metrópoles
 
Governo do Distrito Federal (GDF) anunciou, nesta segunda-feira (21/6), que vai flexibilizar o horário de funcionamento de atividades econômicas na capital federal, que não sejam bares e restaurantes. A declaração foi dada pelo secretário chefe da Casa Civil, Gustavo Rocha, durante coletiva de imprensa no Palácio do Buriti.
 
A mudança será feita no Decreto 41.913, de março de 2021, que dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente da Covid-19 (Sars-Cov-2), e dá outras providências.
 
A alteração deve ser publicada no Diário Oficial do DF nesta terça-feira (22). Valerá, a partir de então, o horário que consta na licença/alvará de funcionamento do estabelecimento. A medida, entretanto, não valerá para bares e restaurantes, que continuam com as atuais restrições valendo.
 
“Surgiu muita dúvida sobre funcionamento de algumas atividades. Um exemplo disso é a cafeteria. Então, no caso de cafeterias, muitas fornecem café pela manhã e elas não estavam funcionando porque seguiam protocolo de bares e restaurantes, que é a partir da 10h. Então, esse decreto traz essa ação, sendo que essas atividades funcione de acordo com a sua licença de funcionamento”, disse.
 
Também será autorizará a retomada dos campeonatos amadores esportivos. Apenas competições profissionais estavam autorizadas na capital federal e ambas deverão seguir os protocolos de segurança contra a pandemia da Covid-19.
 
No caso das competições esportivas, Gustavo Rocha afirmou que a nova regra apenas retoma a possibilidade dos jogos não profissionais.
Vacinação de grávidas
 
Mais cedo, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), anunciou que a vacinação contra Covid-19 de grávidas e puérperas começará na quinta-feira (24).
 
O cadastramento para esse grupo começou às 15h desta segunda, no site vacina.saude.df.gov.br. Na quarta (23), será aberto o agendamento, também às 15h.
 
De acordo com o governador Ibaneis, embora o Ministério da Saúde ainda não tenha enviado as doses específicas para tal público, o GDF remanejou 2,4 mil imunizantes não aplicados na semana passada.
 
Confira a publicação:
Fonte - Metrópoles